CONTATE-NOS PELO WHATSAPP: 99512-9504

domingo, 5 de janeiro de 2014

Marvel publicará HQs de Star Wars a partir de 2015


A notícia não chega a ser uma grande surpresa, pois especulações existem desde que a The Walt Disney Company comprou a Lucasfilm, em 2012. Mas agora foi anunciado oficialmente: a partir de 2015, os quadrinhos de Star Wars passarão a ser publicados pela Marvel Comics.
Desde 1991, as histórias da saga criada por George Lucas eram lançadas pela Dark Horse. Como Mike Richardson, presidente da editora, declarou na época, a parceria com a Lucasfilmseria mantida, pelo menos por um futuro próximo. Mas não conseguiu manter os direitos após o final de 2014.
Com o final do contrato, não houve renovação.
Enquanto a mudança faz sentido no ponto de vista comercial da Disney, uma vez que tanto Star Wars quanto a Marvel pertencem à companhia, a troca pode ser um duro golpe para a Dark Horse, pois este era seu principal produto havia anos. É mais um revés sofrido pela editora, cujas vendas vêm diminuindo nos últimos tempos.
Dark Horse Comics publicou quadrinhos excelentes de Star Wars por mais de 20 anos, e seremos eternamente gratos por sua enorme contribuição ao mito durante essa ótima parceria que tivemos”, disse Carol Roeder, diretor de publicações da Lucasfilm. “Em 2015, as aventuras cósmicas de Luke, Han, Leia e Chewbacca voltarão à Marvel, começando uma nova era dentro deste universo.”
Já Dan Buckley, presidente de publicações da editora, comemorou. “Não poderíamos estar mais animados. Esta é uma das marcas mais icônicas do entretenimento, e estamos honrados com a oportunidade de disponibilizar nossos talentos criativos para expandir Star Wars”.
O ano de 2015 também marca o lançamento do primeiro filme da nova trilogia, com Star Wars – Episódio VIIdirigido por J.J. Abrams.
Esta não será a primeira vez que a Marvel publica histórias em quadrinhos de Star Wars. Ela foi a primeira editora a lançar uma série da saga, que durou entre 1977 e 1986. Ao todo, foram 107 números de uma série mensal e mais três edições anuais.

Nenhum comentário: